segunda-feira, junho 09, 2008

Amar

Quando amar for um erro matem-me sem escrúpulos!
Pois assim não quero viver!

Magoem-me!
Mil vezes magoem-me!
Destruam-me o corpo!
Despedacem-me a alma!
Espezinhem-me os sonhos!
Peço-vos em jeito de eutanásia…

Cortem-me os pulsos!
Esquartejam-me com cavalos bravios!
Pendurem-me na árvore de Judas!
Aticem sobre mim as áspides de Cleópatra!
Espetem-me o punhal de Romeu!
Tirem-me do sofrimento…

Peço-vos por favor…
Porque se amar for um erro, já terei deixado de viver.

6 comentários:

Fátima André disse...

Minha querida, AMAR é um bênção!

Maria do Carmo Cruz disse...

Ai, Renard, és tão impulsiva, tão tudo ou nada, minha Querida! Amar é bom, é uma benção, diz a Fátima. Bem, eu não vou tão longe. Nunca ninguém se atreveu a dizer que Amar era fácil. E não é. Dói, mesmo o Amor bom dos Santos. Mas se a gente não Amar, anda por aqui a fazer o quê? Portanto, ama, mas, se puderes, guarda-te de amares demais. Sabes quando se ama demais? Quando o alvo do nosso Amor não está nem aí, como dizem os brasileiros... Quero só animar-te, não brincar com os teus sentimentos, minha Linda. Um beijo e muito colinho da Avó Pirueta

Marta disse...

Não, amar não é assim...
Como a comentadora anterior diz, amar não é fácil, mas não podes desesperar; tens que te resguardar também e sobretudo, não te sintas derrotada...
Até já
Beijos e abraços
Marta

RENARD disse...

Avó:

Verdade que sou de extremos. Odeio "cinzento" embora saiba que é inevitável na vida.
Típico duma cachopa mimada, não é? Ou sim ou não!
O post é violento. Eu sei. Mas foi o que saiu quando os meus dedos passeavam por cima do teclado. Não filtro as minhas palavras! Não aqui! Não neste espaço que reservo às verdades duras e "intestinais"!
Na verdade já desisti da concreti~zação deste amor. Mas ele continua cá e contra isso nada posso fazer senão escrever, escrever, escrever... Serve-me de purga e sinto-me mais leve.

Um beijinho

Marta:

Claro que me sinto derrotada minha linda. Como não me poderia sentir se fui rejeitada?
Existe algo mais doloroso do que ouvir: - "amigos sim, mais do que isso nunca!"?
Mas a derrota é algo de natural na vida. Sendo de extremos será o preto, obviamente. Mas prefiro a verdade "pura e dura" a um "talvez" ou "quem sabe" que alimentam esperanças vãs e ocupam tempo da nossa vida que acaba por ser um desperdício...
Posso refilar e gritar porque é um direito meu. Posso chorar, bater nas paredes e sofrer porque é uma prerrogativa de quem sofre. Mas como se diz em inglês "what doesn't kill you, makes you stronger". Por isso, isto passará e este amor, agora destrutivo, passará a um amor fraternal construtivo a seu tempo.
Haja paciência e boa vontade. ;)

Beijinho

Fátima André disse...

Olá Renard, um bom dia para ti ;)
Muito colorido e com poucos laivos cinzentos. Mas também podes aprender a amar o cinzento. Com ele a nossa vida ganha um pouco mais de equilíbrio e harmonia. Com ele aprendemos a valorizar as pequenas coisas da vida, olhando e apreciando tudo com um novo olhar. A beleza está mais nos nossos olhos do que possamos imaginar.
Um grande sorriso colorido para ti ;)

BC disse...

E, EU REGRESSEI.
Ao chegar aqui vi um dia muito cinzento, e vou tentar, dar-te um pouco de cor, como as nossas amigas, JÁ O FIZERAM COM AS SUAS PALAVRAS...
Olha renard, existem muitas espécies de amor,e tu como inteligente que és sabes isso tão bem como eu.
Como diz a nossa querida avó,amar não é fácil,não penses,num amor nem todos os dias as coisas são
cor-de-rosa, também existem dias cinzentos, e de que maneira.
Existem dúvidas, existem inquietações, nós não somos santos,e eu também não queria ser, sou uma pessoa igual a milhões de outras por ese mundo fora.
Mas,Amor é uma coisa que nós descobrimos, ou vamos descobrindo com o tempo, mas se esse Amor se torna obssessivo deixa de ser amor
e não leves a mal as minhas palavras.
Para mim um amor tem que ser tranquilo, soft, delicado, de contrário torna-se doentio e não deixes que isso nunca te aconteça.
Mudando de assunto, gostei muito das tuas palavras para o pai Mariano que tb. pode ser teu avó,pois já tem muitos netos
OBRIGADA
e sabes que pode contar comigo,mas
deixa-me dizer-te o que sinto.
Beijinhos para ti.
Amanhã vou tentar pôr já alguma coisa minha e bem leve, assim consiga porque hoje tb estou com algumas coisas que me vão tomar algum tempo.
BEIJINHOS E SORRISOS COLORIDOS OK!!!